G.R.E.S. Portela
aPortela2020.jpg
                     Ficha Técnica | Technical Summary

Enredo | Theme: GUAJUPIÁ, TERRA SEM MALES | “GUAJUPIÁ”, A LAND WITH NO EVIL Fundação - 11 de abril de 1923 | Established in April 11th, 1923
Presidente | President - Luís Carlos Magalhães
Cores - Azul e Branco | Colors - Blue and White

Carnavalescos | Carnival Designers - Renato e/and Márcia Lage
Diretores de Carnaval | Carnival Directors - Claudinho Portela, Júnior Escafura e/and Higor Machado
Diretores de Harmonia | Harmony Directors - Chopp, Leonardo Brandão, Nilce Fran, Márcio Emerson, Sérvolo Alves, Jorge Barbosa e/and Walter Moura

7a Escola - Entre 3h30 e 4h30

7th School - Between 3:30am and 4:30am

Concentração: Correios | Meeting Point: Post Office

Acenando para conscientização política e social da coletividade no Brasil, a Portela desfila uma história indígena. Essa história é contada a partir daqueles que foram os verdadeiros pioneiros na cidade do Rio de Janeiro, muito antes do “descobrimento” do Brasil pelos portugueses.

| Having in mind political and social issues of Brazilian people, Portela parades an indigenous story. This story begins with those who were the true pioneers in the city of Rio de Janeiro, far before the “discovery” of Brazil by the Portuguese.

Cante com a Portela

Sing along with Portela

Compositores | Songwriters: Valtinho Botafogo, Rogério Lobo, José Carlos, Zé Miranda, Beto Aquino, Pecê Ribeiro, D ́Sousa e/and Araguaci.

Intérprete | Singer: Gilsinho

CLAMEI AOS CÉUS
A CHAMA DA MALDADE APAGOU
E NUM DILÚVIO A TERRA ELE BANHOU

LAVANDO AS MAZELAS COM PERDÃO
FIM DA ESCURIDÃO
JÁ NÃO EXISTE A IRA DE MONÃ
NO VENTRE HÁ VIDA, NOVO AMANHÃ

IRIM MAGÉ JÁ PODE SER FELIZ

TRANSFORMA A DOR
NA ALEGRIA DE PODER MUDAR O MUNDO

MAIRAMUANA TEM A CHAVE DO FUTURO

PRA NOSSA TRIBO LUTAR E CANTAR

AUÊ, AUÊ, A VOZ DA MATA, OKÊ, OKÊ ARÔ

SE GUANABARA É RESISTÊNCIA
O ÍNDIO É ARCO, É FLECHA, É ESSÊNCIA

AO PROTEGER KARIOKA
REÚNO A MALOCA NA BEIRA DA REDE
CAUIM PRA FESTEJAR... PURIFICAR
BORDUNA, TACAPE E AJARÉ
ÍNDIO PEDE PAZ MAS É DE GUERRA
NOSSA ALDEIA É SEM PARTIDO OU FACÇÃO
NÃO TEM “BISPO”, NEM SE CURVA A “CAPITÃO”

QUANDO A VIDA NOS ENSINA
NÃO DEVEMOS MAIS ERRAR
COM A IRA DE MONÃ
APRENDI A RESPEITAR A NATUREZA, O BEM VIVER

 

PRO IMENSO AZUL DO CÉU NUNCA

MAIS ESCURECER

ÍNDIO É TUPINAMBÁ
ÍNDIO TEM ALMA GUERREIRA
HOJE MEU GUAJUPIÁ É MADUREIRA VOA ÁGUIA NA FLORESTA
SALVE O SAMBA, SALVE ELA
ÍNDIO É DONO DESSE CHÃO
ÍNDIO É FILHO DA PORTELA

© Copyright: Editora Musical Escola de Samba Ltda

1o SETOR: BAÍA DE GUANABARA, NOSSO GUAJUPIÁ

| 1ST SECTOR: GUANABARA BAY, OUR GUAJUPIÁ

(INDIGENOUS HEAVEN)

COMISSÃO DE FRENTE | HONORARY COMMITTEE

FANTASIA: O CLAMOR DE UAIKÔEN
COSTUME: THE CLAIM OF UAIKÔEN

COREÓGRAFO | CHOREOGRAPHER:

PATRICK CARVALHO


Faz uma introdução ao mito a ser desenvolvido
pela Vila Isabel. O curumim-Brasil é apresentado
e, na performance, transforma-se em um grande guerreiro guiado pela força de seus antepassados. O menino se depara também com obstáculos, mas, no m, a força primitiva ressurge para manter vivo nosso grande patrimônio natural.

| It introduces
the myth to be entertained by Vila Isabel. The curumim-Brasil (curumim is an indigenous boy) is presented, and, during the performance, he becomes a great warrior guided by the strength of his ancestors. The boy is also faced with obstacles, but, in the end, the primitive force emerges to protect our great natural heritage.

1o CASAL DE MESTRE-SALA E PORTA-BANDEIRA

1ST MASTER-OF CEREMONIES-AND-FLAG- BEARER COUPLE:

MARLON LAMAR E/AND LUCINHA NOBRE
FANTASIA:

IRIM-MAGÉ E PURABORA (MULHER GRÁVIDA) – OS POVOADORES DA TERRA COSTUME:

IRIM-MAGÉ AND PURABORA (PREGNANT WOMAN) - REPOPULATING EARTH

 

A fantasia é inspirada num mito de origem Tupinambá. Quando Monã castigou a humanidade, apenas Irim-magé, homem considerado digno,

foi poupado e levado aos céus. Compadecido de sua solidão, Monã lhe ofereceu uma mulher para que pudessem repovoar o mundo.

| The costume is inspired by a Tupinambá myth. When Monã (an indigenous God) punished humanity, only Irim- magé, a man considered worthy, was spared and taken to heaven. Feeling sorry for his loneliness, Monã offered him a woman so they could repopulate the world.

 

GUARDIÕES DO 1o CASAL DE MESTRE-SALA E PORTA-BANDEIRA

| GUARDIANS OF THE COUPLE

FANTASIA: TERRA REPOVOADA
COSTUME: REPOPULATED LAND

Cumprindo a missão concebida por Monã, Irim- magé e sua esposa repovoam a Terra.
Ful lling the mission conceived by Monã, Irim- magé and his wife repopulated Earth.

GRUPO: ARQUEIROS | GROUP:

BOWMEN


Os Tupinambás sempre portavam arco e flechas.

Tinham um olhar aguçado e muito boa pontaria.

The Tupinambás always carried bows and arrows.

They had a keen eye and very good aim.

1o CARRO – ABRE-ALAS: GUAJUPIÁ, O PARAÍSO TERREAL

| OPENING FLOAT: GUAJUPIÁ, AN EARTHLY PARADISE


Para os Tupinambás, o paraíso é um lugar idílico. Foi exatamente essa a imagem que viram ao chegar à Baía da Guanabara mais de mil anos antes da chegada dos europeus. Nenhum outro lugar poderia ser tão parecido com o imaginado Guajupiá eterno do que as terras abundantes de recursos naturais de um Rio de Janeiro ainda intacto.

| For the Tupinambás, Heaven is an idyllic place. This was exactly the image they saw when they arrived at the Guanabara Bay more than a thousand years before Europeans got there. No other place could be more similar to the imagined eternal Guajupiá than the lands of abundant natural resources in a still intact Rio de Janeiro city.

1a ALA: ENTRE A FLORESTA E O MAR
1ST WING: BETWEEN THE FOREST AND THE SEA

 

Na paradisíaca baía de Kûánãpará, entre montanhas e vales, encontra-se uma in nidade de vegetações verdes e frondosas.

| In the paradisiacal bay of Kûánãpará (Guanabara Bay), between mountains and valleys, there is an in nity of green.

2a ALA: KAMURUPY
2ND WING: KAMURUPY FISH


O mais desejado peixe a ser pescado pelos Tupinambás.

| The most desired fish to be caught by the Tupinambás.

3a ALA: EXUBERÂNCIA
3RD WING: EXUBERANCE


Na medida em que exploravam o território, os tupinambás descobriam as maravilhas da natureza.

As they explored the territory, the Tupinambás discovered the wonders of nature.

4a ALA: GUANÂBARÁ
4TH WING: GUANABARA BAY
(BAIANAS | WHIRLING LADIES)


A palavra Guanabara tem origem tupi e signi ca seio-mar.

| The word Guanabara has Tupi (an indigenous language) origin and means bosom- of-the-sea.

2o SETOR: ALDEIA KARIÓKA, VIDA PLENA

2ND SECTOR: KARIÓKA VILLAGE, FULL LIFE

5a ALA: CANINDÉ-LOUUE
5TH WING: THE MACAW CANINDÉ-LOUUE

Os tupinambás consideravam a arara-canindé um animal sagrado. Essas aves viviam em liberdade e, se de vez em quando eram apreendidas, o eram apenas para fornecer penas para confecção de adornos. Depois disso, os indígenas as devolviam à natureza.
| The Tupinambás considered the macaw-canindé a sacred animal. These birds lived in freedom and, from time to time, they
were apprehended to provide feathers for making ornaments. After that, the indigenous people returned them to nature.
DESTAQUE DE CHÃO | FLOOR SPOT:
JERÔNIMO PATROCÍNIO
FANTASIA: JERONIÊ O KARAÍBA
COSTUME: JERONIÊ, THE KARAÍBA
“Karaíba” significa feiticeiro indígena.
“Karaíba” means indigenous sorcerer.

6a ALA: ÎAGÛARA (ONÇA)
6TH WING: ÎAGÛARA (BRAZILIAN JAGUAR)


A onça era o animal terrestre mais temido pelos tupinambás. | The Brazilian-jaguar was the most feared terrestrial animal by the Tupinambás.

7a ALA: O QUE SE PLANTA, A TERRA ACOLHE
7TH WING: THE LAND WELCOMES WHAT IS SOWN


O clima ameno da baía da Guanabara permitiu o cultivo e a colheita de diversas plantas e raízes.
The mild climate of the Guanabara Bay allowed the cultivation and harvesting of several plants and roots.

2o CASAL DE MESTRE-SALA E PORTA- BANDEIRA
| 2ND-MASTER-OF- CEREMONIES- AND-FLAG-BEARER COUPLE:
YURI SOUZA E/ AND CAMYLLINHA NASCIMENTO
FANTASIA: RAIOS DE SOL
COSTUME: SUN RAYS

Os escaldantes raios de sol que banhavam a aldeia carioca.
| The scorching sun rays that bathed the Carioca village.

8a ALA: KÛARA (SOL)

| 8TH WING: KÛARA (SUN)

 

Os tupinambás tinham um vasto domínio territorial e se guiavam, durante as caminhadas, pondo o rosto no sol, para se nortearem e seguirem os caminhos com direção certeira.

| The Tupinambás had a vast territorial domain and guided themselves, during the walks, facing the sun so as to orient themselves and follow the paths in the right direction.

2o CARRO: ALDEIA KARIÓKA
2ND FLOAT: THE KARIÓKA VILLAGE


A taba mais famosa do Brasil passou seu nome para o povo de toda uma cidade. Quem nasce no Rio de Janeiro é carioca.

| The most famous tribe in Brazil passed its name to the people of an entire city. Whoever is born in Rio de Janeiro
is Karrióka, Carioca.

3o SETOR: OKARA | 3RD SECTOR: OKARA
9a ALA: CERAMISTAS
| 9TH WING: CERAMISTS

Na sociedade Tupinambá, a cerâmica é produzida principalmente pelas mulheres, que criam recipientes e esculturas.
| In the Tupinambá society, pottery is produced mainly by women, who create containers and sculptures.
10a ALA: URNAS
| 10TH WING: BALLOTS

Um dos objetos produzidos em cerâmica pelas mulheres indígenas.
| One of the objects produced in ceramics by indigenous women.
11a ALA: TUCANOS ENTALHADOS
11TH WING: CARVED TOUCANS

Os Tupinambás produziam belas esculturas de madeira entalhada, retratando, sobretudo, a fauna e a flora.
| The Tupinambás produced beautiful sculptures of carved wood, portraying, above all, the fauna and the flora.

12a ALA: SAMBURÁ
12TH WING: SAMBURÁ (BASKET)
Do Tupi samu’ra (pau enroscado), é um cesto de cipó ou de taquara usado pelos pescadores. | In Tupi samu’ra (curled stick) is a basket of vine or bamboo used by shermen.

13a ALA: DANÇARINOS

| 13TH WING: DANCERS (PASSISTAS | SAMBA DANCERS)


Para os indígenas, a dança é evento singular se comparada a eventos de outras culturas, pois ela, a dança, está imbricada numa teia de signi cados ritualizados.

| For the indigenous people, dance is unique if compared to that of other cultures. It is embedded in a web of ritualized meanings.

RAINHA DA BATERIA | QUEEN OF PERCUSSION: BIANCA MONTEIRO
FANTASIA: CABOCLA JUREMA
COSTUME: JUREMA, THE MESTIZO WOMAN

A resistência dos povos indígenas, especialmente das mulheres, para manterem viva sua cultura. Trata-se também de uma homenagem à líder
da aldeia Mata Verde Bonita. | The resistance of indigenous peoples (special indigenous women) to keep their culture alive. It is also a tribute to the leader of the village Mata Verde Bonita.

14a ALA: TAMBORES DA MATA
14TH WING: DRUMS FROM THE FOREST
(BATERIA | PERCUSSION)
MESTRE | BANDMASTER: NILO SÉRGIO

A música é uma forma de arte muito valorizada pelos Tupinambás.
| Music is an art form vividly valued by the Tupinambás.
CARRO DE SOM | SOUND CAR INTÉRPRETE | SINGER: TINGA

15a ALA: REMO

| 15TH WING: OAR
Instrumento de madeira ricamente adornado pelos Tupinambás.

| Wooden instrument richly adorned by the Tupinambás.

3o CARRO: MALOCA

| 3RD FLOAT: HUT


A unidade social dos tupinambás era a família: pai, mãe, lhos, tios, tias, avós, primos e primas. A reunião de famílias a ns formava uma maloca, a casa coletiva da tribo.

| The Tupinambá social unit was the family: father, mother, children, uncles, aunts, grandparents, cousins and cousins. The gathering of like-minded families formed a maloca, the collective home of the tribe.

4o SETOR: KAUÍ | 4TH SECTOR: KAUÍ

16a ALA: TUNHÃBAÉS
16TH WING: TUNHÃBAÉS

(THE OLD ONES) (DEPT. FEMININO | FEMALE DEPARTMENT)

(COMPOSITORES | SONGWRITERS)


Os velhos, ou tunhãbaés Tupi, desempenhavam todo o papel de liderança na sociedade Tupinambá.
The elderly, or Tunhãbaés in Tupi, played a leading role in Tupinambá society.

17a ALA: GUIRA GUAÇU – O PAJÉ
17TH WING: GUIRA GUAÇU – THE SHAMAN


A ele se atribui a autoridade xamanística de invocar e controlar espíritos.

| He is the shamanistic authority to invoke and control spirits.

18a ALA: REMAR CONTRA A MARÉ
18TH WING: PADDLING AGAINST THE TIDE
 
A partir dos 15 anos, os rapazes Tupinambás aprendiam a remar.
| From the age of 15, the Tupinambá boys learned how to row.

19a ALA: CURIMBÓ
19TH WING: CURIMBÓ (MUSICAL INSTRUMENT)

 

Instrumento indígena comprido de percussão, de formato oblongo.

| Long indigenous percussion instrument, oblong in shape.

20a ALA: FLAUTISTAS

| 20TH WING: FLUTISTS

 

Os flautistas eram muito comuns nas festas do Tupinambás. Suas flautas eram feitas de bambu.

| Flute players were very common at Tupinambás’ parties. Their flutes were made of bamboo.

3o CASAL DE MESTRE-SALA E PORTA-BANDEIRA

3RD MASTER-OF- CEREMONIES-AND-FLAG- BEARER COUPLE: EMANUEL LIMA E/AND ROSILAINE QUEIROZ
FANTASIA: DANÇANDO PARA NÃO CAIR

COSTUME: DANCING NOT TO FALL

 

Representa as danças ritualizadas.

It represents Tupinambá ritual dances

21a ALA: BAPO-MARACÁ
21ST WING: BAPO-MARACÁ

Representa uma espécie de maestro de cantos e danças.
| It represents a kind of conductor of songs and dances.

22a ALA: CAUIM
22ND WING: CAUIM (A TUPINAMBÁ DRINK)


O Cauim era uma bebida sagrada consumida morna e destinada somente aos adultos.
Cauim was a sacred drink consumed warm and intended only for adults

4o CARRO: FESTA TUPINAMBÁ
4TH FLOAT: TUPINAMBÁ PARTY


As principais cerimônias de transição social na
vida de um tupinambá eram regadas a cauim:
o nascimento de uma criança, a puberdade das meninas, as cerimônias do antes e do pós-guerra, os rituais religiosos, o trabalho coletivo na roça
e as reuniões dos chefes anciões.

| In the main ceremonies of social transition in the life of a Tupinambá, cauim was present: the birth of a child, the puberty of girls, ceremonies before and after the war, religious rituals, collective work in the elds and meetings of elder chiefs.

5o SETOR: GUAJUPIÁ, O QUE FIZEMOS DE TI?

5TH SECTOR: GUAJUIPÁ, WHAT HAVE WE DONE TO YOU?

23a ALA: TUPINAMBÁS
| 23RD WING: TUPINAMBÁS
(VELHA-GUARDA | HONORARY SENIOR MEMBERS)
 
A Velha Guarda faz uma homenagem aos Tupinambás que sobrevivem em nossos dias.
The honorary senior members pay homage to the Tupinambás who are still alive.
24a ALA: HONRA E GLÓRIA
24TH WING: HONOR AND GLORY

O massacre ritual dos ossos da cabeça era a pior ofensa a fazer a inimigos. Esse ato impedia o espírito de continuar a viagem ao paraíso eterno. The ritual massacre of the bones of the head
was the worst offense to do to enemies.
This act prevented the spirit from continuing the journey to eternal paradise.
25a ALA: PIRÁ PUBA
| 25TH WING: PIRÁ PUBA- FISH
 
Em Tupi, “Peixe podre”. Aquilo que antes se
podia pegar com as mãos, torna-se cada vez mais escasso. Os peixes estão mortos e sufocados pela poluição das águas.
| In Tupi, “Pirá-Puba” means rotten sh. What once could be shed with hands, became scarce. Fish are being killed and suffocated by water pollution.

26a ALA: JIBOIA

| 26TH WING: JIBOIA (SNAKE)

 

O Termo “Jiboia” provém do tupi “y’bói”: “constritora”. Esta de nição é uma referência ao modo como esta espécie de cobra mata suas vítimas, apertando-as e sufocando-as.

The term “Jiboia” comes from the Tupi “y’bói”: “constrictor”. This term is a reference to the way this species of snake kills its victims: squeezing and smothering them.

27a ALA: PRAGA

| 27TH WING: PLAGUE

 

Liquidados pela violência da proclamada “civilização”, vagamos nesta cidade-limbo e não temos o direito a encontrar Guajupiá.

| Liquidated by the violence of the proclaimed “civilization”, we are wandering in this limbo city and we have no right to nd Guajupiá, the indigenous heaven.

28aALA: METRÓPOLE
28TH WING: METROPOLIS


Uma cidade foi erguida sobre um vale de sangue e de sofrimento. Nossos ancestrais agonizam concretados no esquecimento de uma Terra
que outrora lhes pertenceu e que foi amada e cuidada por eles.

| A city was built on a valley of blood and suffering. Our ancestors agonize in the forgetfulness of a land that once belonged to them and that was loved and cared for by them.

5o CARRO: A SELVA URBANA
5TH FLOAT: THE URBAN JUNGLE
Estamos imersos no caos urbano, lutando contra as mais diversas mazelas. O Rio de Janeiro, “Cidade Maravilhosa”, o Guajupiá de nossos antepassados, hoje suplica sofregamente por ordem, por carinho
e amor. | We are immersed in urban chaos, ghting against the most diverse ailments. Rio de Janeiro, the wonderful city, the Guajupiá of our ancestors, today pleads hard for order, for affection and love.

CURTIU ESSA ESCOLA?
HAVE YOU ENJOYED THIS
SCHOOL'S PARADE?
ESCOLHA A SUA NOTA E ADICIONE SEU COMENTARIO
                                 AQUI!
PLEASE CHOOSE A SCORE AND ADD YOUR COMMENT
                                 HERE!